Chega de sangues suga. TRE não vai divulgar, mas nós vamos…

24/08/2010

Repassando…

SE CADA UM DE NÓS ENVIAR ESSA LISTA PARA 10 AMIGOS E TODOS TIVERMOS CONSCIENCIA, EM 6 RODADAS TEREMOS DIVULGADO PARA 1.000.000 (HUM MILHÃO) DE BRASILEIROS.

LISTA EM QUEM NÃO DEVEMOS VOTAR

A PEQUENINA LISTA DE CORRUPTOS.  TEMOS QUE FICAR DE OLHO PARA TIRAR TODOS OS SANGUES SUGA DO PODER.

REPASSANDO

NOME CARGO PARTIDO ACUSAÇÃO OU CRIME A QUE RESPONDE
ABELARDO LUPION Deputado PFL-PR Sonegação Fiscal
ADEMIR PRATES Deputado PDT-MG Falsidade Ideológica
AELTON FREITAS Senador PL-MG Crime de Responsabilidade e Estelionato
AIRTON ROVEDA Deputado PPS-PR Peculato
ALBÉRICO FILHO Deputado PMDB-MA Apropriação Indébita
ALCESTE ALMEIDA Deputado PTB-RR Peculato e Formação de Quadrilha, Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
ALEX CANZIANI Deputado PTB-PR Peculato
ALMEIDA DE JESUS Deputado PL-CE Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
ALMIR MOURA Deputado PFL-RJ Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
AMAURI GASQUES Deputado PL-SP Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
ANDRÉ ZACHAROW Deputado PMDB-PR Improbidade Administrativa
ANÍBAL GOMES Deputado PMDB-CE Improbidade Administrativa
ANTERO PAES DE BARROS Senador PSDB-MT Improbidade Administrativa e Formação de Quadrilha
ANTÔNIO CARLOS PANNUNZIO Deputado PSDB-SP Crime de Responsabilidade
ANTÔNIO JOAQUIM Deputado PSDB-MA Improbidade Administrativa
BENEDITO DE LIRA Deputado PP-AL Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
BENEDITO DIAS Deputado PP-AP Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
BENJAMIN MARANHÃO Deputado PMDB-PB Crime Eleitoral
BISPO WANDERVAL Deputado PL-SP Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
CABO JÚLIO (JÚLIO CÉSAR GOMES DOS SANTOS) Deputado PMDB-MG Crime Militar, Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
CARLOS ALBERTO LERÉIA Deputado PSDB-GO Lesão Corporal
CELSO RUSSOMANNO Deputado PP-SP Crime Eleitoral, Peculato e Agressão
CHICO DA PRINCESA (FRANCISCO OCTÁVIO BECKERT) Deputado PL-PR Crime Eleitoral
CIRO NOGUEIRA Deputado PP-PI Crime Contra a Ordem Tributária e Prevaricação
CLEONÂNCIO FONSECA Deputado PP-SE Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
CLÓVIS FECURY Deputado PFL-MA Crime Contra a Ordem Tributária
CORIALANO SALES Deputado PFL-BA Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
DARCÍSIO PERONDI Deputado PMDB-RS Improbidade Administrativa
DAVI ALCOLUMBRE Deputado PFL-AP Corrupção Ativa
DILCEU SPERAFICO Deputado PP-PR Apropriação Indébita
DOUTOR HELENO Deputado PSC-RJ Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
EDSON ANDRINO Deputado PMDB-SC Crime de Responsabilidade
EDUARDO AZEREDO Senador PSDB-MG Improbidade Administrativa
EDUARDO GOMES Deputado PSDB-TO Crime Eleitoral, Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
EDUARDO SEABRA Deputado PTB-AP Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
ELIMAR MÁXIMO DAMASCENO Deputado PRONA-SP Falsidade Ideológica
EDIR DE OLIVEIRA Deputado PTB-RS Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
EDNA MACEDO Deputado PTB-SP Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
ELAINE COSTA Deputada PTB-RJ Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
ELISEU PADILHA Deputado PMDB-RS Corrupção Passiva
ENIVALDO RIBEIRO Deputado PP-PB Crime Contra a Ordem Tributária, Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
ÉRICO RIBEIRO Deputado PP-RS Crime Contra a Ordem Tributária e Apropriação Indébita
FERNANDO ESTIMA Deputado PPS-SP Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
FERNANDO GONÇALVES Deputado PTB-RJ Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
GARIBALDI ALVES Senador PMDB-RN Crime Eleitoral
GIACOBO (FERNANDO LUCIO GIACOBO) Deputado PL-PR Crime Contra a Ordem Tributária e Seqüestro
GONZAGA PATRIOTA Deputado PSDB-PE Apropriação Indébita
GUILHERME MENEZES Deputado PT-BA Improbidade Administrativa
INALDO LEITÃO Deputado PL-PB Crime Contra o Patrimônio, Declaração Falsa de Imposto de Renda
INOCÊNCIO DE OLIVEIRA Deputado PMDB-PE Crime de Escravidão
IRAPUAN TEIXEIRA Deputado PP-SP Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
IRIS SIMÕES Deputado PTB-PR Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
ITAMAR SERPA Deputado PSDB-RJ Crime Contra o Consumidor, Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
ISAÍAS SILVESTRE Deputado PSB-MG Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
JACKSON BARRETO Deputado PTB-SE Peculato e Improbidade Administrativa
JADER BARBALHO Deputado PMDB-PA Improbidade Administrativa, Peculato, Crime Contra o Sistema Financeiro e Lavagem de Dinheiro
JAIME MARTINS Deputado PL-MG Crime Eleitoral
JEFERSON CAMPOS Deputado PTB-SP Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
JOÃO BATISTA Deputado PP-SP Falsidade Ideológica, Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
JOÃO CALDAS Deputado PL-AL Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
JOÃO CORREIA Deputado PMDB-AC Declaração Falsa de Imposto de Renda, Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
JOÃO HERRMANN NETO Deputado PDT-SP Apropriação Indébita
JOÃO MAGNO Deputado PT-MG Lavagem de Dinheiro
JOÃO MENDES DE JESUS Deputado PSB-RJ Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
JOÃO PAULO CUNHA Deputado PT-SP Corrupção Passiva, Lavagem de Dinheiro e Peculato
JOÃO RIBEIRO Senador PL-TO Peculato e Crime de Escravidão
JORGE PINHEIRO Deputado PL-DF Crime Ambiental
JOSÉ DIVINO Deputado PRB-RJ Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
JOSÉ JANENE Deputado PP-PR Estelionato, Improbidade Administrativa, Lavagem de Dinheiro, Corrupção Passiva, Formação de Quadrilha, Apropriação Indébita e Crime Eleitoral
JOSÉ LINHARES Deputado PP-CE Improbidade Administrativa
JOSÉ MENTOR Deputado PT-SP Corrupção Passiva
JOSÉ MILITÃO Deputado PTB-MG Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
JOSÉ PRIANTE Deputado PMDB-PA Crime Contra o Sistema Financeiro
JOVAIR ARANTES Deputado PTB-GO Improbidade Administrativa
JOVINO CÂNDIDO Deputado PV-SP Improbidade Administrativa
JÚLIO CÉSAR Deputado PFL-PI Peculato, Formação de Quadrilha, Lavagem de Dinheiro e Falsidade Ideológica
JÚLIO LOPES Deputado PP-RJ Falsidade Ideológica
JÚNIOR BETÃO Deputado PL-AC Declaração Falsa de Imposto de Renda, Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
JUVÊNCIO DA FONSECA Deputado PSDB-MS Improbidade Administrativa
LAURA CARNEIRO Deputada PFL-RJ Improbidade Administrativa e Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
LEONEL PAVAN Senador PSDB-SC Contratação de Serviços Públicos Sem Licitação e Concussão
LIDEU ARAÚJO Deputado PP-SP Crime Eleitoral
LINO ROSSI Deputado PP-MT Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
LÚCIA VÂNIA Senadora PSDB-GO Peculato
LUIZ ANTÔNIO FLEURY Deputado PTB-SP Improbidade Administrativa
LUPÉRCIO RAMOS Deputado PMDB-AM Crime de Aborto
MÃO SANTA Senador PMDB-PI Improbidade Administrativa
MARCELINO FRAGA Deputado PMDB-ES Crime Eleitoral, Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
MARCELO CRIVELA Senador PRB-RJ Crime Contra o Sistema Financeiro e Falsidade Ideológica
MARCELO TEIXEIRA Deputado PSDB-CE Sonegação Fiscal
MÁRCIO REINALDO MOREIRA Deputado PP-MG Crime Ambiental
MARCOS ABRAMO Deputado PP-SP Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
MÁRIO NEGROMONTE Deputado PP-BA Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
MAURÍCIO RABELO Deputado PL-TO Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
NÉLIO DIAS Deputado PP-RN Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
NELSON BORNIER Deputado PMDB-RJ Improbidade Administrativa
NEUTON LIMA Deputado PTB-SP Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
NEY SUASSUNA Senador PMDB-PB Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
NILTON CAPIXABA Deputado PTB-RO Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
OSMÂNIO PEREIRA Deputado PTB-MG Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
OSVALDO REIS Deputado PMDB-TO Apropriação Indébita
PASTOR AMARILDO Deputado PSC-TO Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
PAULO AFONSO Deputado PMDB-SC Peculato, Crime Contra o Sistema Financeiro e Improbidade Administrativa
PAULO BALTAZAR Deputado PSB-RJ Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
PAULO FEIJÓ Deputado PSDB-RJ Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
PAULO JOSÉ GOUVEIA Deputado PL-RS Porte Ilegal de Arma
PAULO LIMA Deputado PMDB-SP Extorsão e Sonegação Fiscal
PAULO MAGALHÃES Deputado PFL-BA Lesão Corporal
PEDRO HENRY Deputado PP-MT Formação de Quadrilha, Lavagem de Dinheiro e Corrupção Passiva, Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
PROFESSOR IRAPUAN Deputado PP-SP Crime Eleitoral
PROFESSOR LUIZINHO Deputado PT-SP Lavagem de Dinheiro
RAIMUNDO SANTOS Deputado PL-PA Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
REGINALDO GERMANO Deputado PP-BA Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
REINALDO BETÃO Deputado PL-RJ Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
REINALDO GRIPP Deputado PL-RJ Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
REMI TRINTA Deputado PL-MA Estelionato e Crime Ambiental
RIBAMAR ALVES Deputado PSB-MA Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
RICARDO BARROS Deputado PP-PR Sonegação Fiscal
RICARTE DE FREITAS Deputado PTB-MT Improbidade Administrativa e Formação de Quadrilha, Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
RODOLFO TOURINHO Senador PFL-BA Gestão Fraudulenta de Instituição Financeira
ROMERO JUCÁ Senador PMDB-RR Improbidade Administrativa
ROMEU QUEIROZ Deputado PTB-MG Corrupção Ativa, Corrupção Passiva e Lavagem de Dinheiro
RONALDO DIMAS Deputado PSDB-TO Crime Eleitoral
SANDRO MABEL Deputado PL-GO Crime Contra a Ordem Tributária
SUELY CAMPOS Deputada PP-RR Crime Eleitoral
TATICO (JOSÉ FUSCALDI CESÍLIO) Deputado PTB-DF Crime Contra a Ordem Tributária, Declaração Falsa de Imposto de Renda e Sonegação Fiscal
TETÉ BEZERRA Deputado PMDB-MT Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
THELMA DE OLIVEIRA Deputada PSDB-MT Improbidade Administrativa e Formação de Quadrilha
VADÃO GOMES Deputado PP-SP Improbidade Administrativa e Crime Contra a Ordem Tributária
VALDIR RAUPP Senador PMDB-RO Peculato, Uso de Documento Falso, Crime Contra o Sistema Financeiro, Crime Eleitoral e Gestão Fraudulenta de Instituição Financeira
VALMIR AMARAL Senador PTB-DF Apropriação Indébita
VANDERLEI ASSIS Deputado PP-SP Crime Eleitoral, Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
VIEIRA REIS Deputado PRB-RJ Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
VITTORIO MEDIOLI Deputado PV-MG Sonegação Fiscal
WANDERVAL SANTOS Deputada PL-SP Corrupção Passiva
WELLINGTON FAGUNDES Deputada PL-MT Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
ZÉ GERARDO Deputado PMDB-CE Crime de Responsabilidade
ZELINDA NOVAES Deputada PFL-BA Sanguessugas (Escândalo das Ambulâncias)
Ângela Guadagnin Deputada PT-SP Dançarina do Plenário da Câmara, comemorando absolvição de corrupto
Antônio Palocci Ex-Ministro PT-SP Quebra de Sigilo Bancário
Carlos Rodrigues Ex-Deputado PL-RJ Bispo Rodrigues
Delúbio Soares Tesoureiro PT-GO Ex Tesoureiro do PT
José Dirceu Ex-Deputado PT-SP Coordenador do Mensalão
José Genoíno Ex-Deputado PT-SP Mensalão, Dólares na Cueca
José Nobre Guimarães DeputadoEst. PT-CE Dólares na Cueca (Agora Candidato a Dep. Federal)
Josias Gomes Deputado PT-BA Mensalão, CPI dos Correios
Luiz Gushiken Ex-Ministro PT-SP CPI dos Correios
Paulo Salim Maluf Ex PPB-SP Corrupção, Falcatruas, Improbidade Administrativa, Desvio de Dinheiro Público, Lavagem de dinheiro
Paulo Pimenta Deputado PT-RS Compra de Votos, Mensalão, CPI Correios
Pedro Corrêa Ex-Deputado PP-PE Cassado em associação ao Escândalo do Mensalão, Compra de Votos
Roberto Brant Deputado PFL-MG Crime Eleitoral, Mensalão, CPI Correios
Roberto Jefferson Ex-Deputado PTB-RJ Mensalão
Severino Cavalcanti Ex-Deputado PP-PE Escândalo do Mensalinho (Renuncio para evitar a cassação)
Silvio Pereira SecretárioPT PT Mensalão
Valdemar Costa Neto Exc-Deputado PL-SP Mensalão (renunciou para evitar a cassação)

 

 

RELAÇÃO DOS DEPUTADOS FEDERAIS E SENADORES QUE RESPONDEM A PROCESSO NA JUSTIÇA:
É o mínimo que podemos fazer!
Divulgar! Se o TRE não vai divulgar, nós divulgamos! Somos 45 Milhões de Internautas, 15 Milhões em Banda Larga !!!
É só querer…

Este a gente não pode deixar de divulgar!!!! Temos que mandar para o máximo de pessoas possível. Esse País tem jeito, mas somos nós que temos de tomar uma atitude.
Por favor, gente vamos espalhar esta relação para o maior número de pessoas que pudermos. Também, já imprimi várias cópias, e as venho distribuindo para o pessoal que não tem acesso à internet. Estou fazendo a minha parte…

SE LIGA BRASIL !!!!


Presidente do partido PSDB oficializa nome de José Serra

25/02/2010

‘Não há dúvida, será Serra’, disse Sérgio Guerra sobre candidatura tucana. Governador deve enfrentar a ministra Dilma Rousseff, pré-candidata do PT

Fonte: G1 Noticias

O presidente nacional do PSDB, senador Sérgio Guerra (PE), disse nesta quinta-feira (25) que o partido vai oficializar a candidatura do governador de São Paulo, José Serra, à Presidência da República até o final de março. “Não há dúvida, será Serra”, afirmou. “Até o final de março, esta questão estará resolvida.” Segundo ele, o vice deve ser indicado pelo DEM.

Guerra disse que se Serra vencer as eleições de outubro, ele vai aperfeiçoar a disciplina fiscal ao limitar os gastos correntes, manter o regime de câmbio flutuante e fortalecer as agências reguladoras.

“Não há dúvida, será Serra. Até o final de março, esta questão estará resolvida”

O governador lidera pesquisa Ibope deste mês com 36% das intenções de voto, à frente da ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, pré-candidata do PT e apoiada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva à sua sucessão, com 25%.

Guerra disse que um governo do PSDB reforçaria a disciplina fiscal em relação à administração atual. “Nós vamos ter uma política fiscal muito mais responsável do que tem o governo atual. Significa ter um rigor fiscal maior, não permitir crescimento da despesa corrente num nível que ela está se desenvolvendo, ganhar eficiência na administração pública e nos investimentos públicos”, afirmou.

Nós vamos ter uma política fiscal muito mais responsável do que tem o governo atual. Significa ter um rigor fiscal maior, não permitir crescimento da despesa corrente num nível que ela está se desenvolvendo, ganhar eficiência na administração pública e nos investimentos públicos

Essas medidas aumentariam a capacidade do governo de investir, permitiriam a queda das taxas de juro e evitariam uma valorização excessiva do real, declarou.

O Brasil tem uma das maiores taxas de juro entre as principais economias do mundo, o que atrai capital externo que contribui para a valorização do real. Lula esteve à frente de um dos maiores crescimentos econômico do Brasil em décadas, mas os gastos do governo subiram no ano passado.

Dilma, que foi anunciada como pré-candidata do PT no sábado passado (20), planeja dar sequência à atual política econômica, mas também defende uma participação maior do Estado na economia.

Nenhum dos candidatos parece se distanciar das políticas econômicas elogiadas por investidores e que marcaram os dois mandatos de Lula na Presidência.

Minha opinião

O que todos já sabiam esta sendo oficializado, agora o povo Brasileiro irá escolher a Ministra Chefe da Casa Civil ou o governador de São Paulo.

As fichas foram lançadas, vamos ver até onde vão os caixas 2 com verbas de campanhas.


5% dos recursos do fundo social do pré-sal vão para a recomposição da remuneração dos aposentados

25/02/2010

Fonte: Rafael Secunho

A Câmara aprova emenda a favor de aposentados o plenário da Câmara aprovou nesta quarta-feira (24), que visa destinar pelo menos 5% dos recursos do fundo social do pré-sal para a recomposição da remuneração dos aposentados. O governo foi contra o dispositivo e chegou a apresentar uma emenda aglutinativa para neutralizá-lo, mas acabou sendo derrotado com votos até de sua base de apoio. Por 309 votos a 92. O projeto segue para apreciação do Senado.

A emenda do parlamentar do PSB reserva 5% da verba de combate à pobreza do fundo social para recompor as perdas das aposentadorias superiores a um salário mínimo, já que o índice de correção aplicado pela Previdência reduz o valor inicial dos benefícios, quando expressos em número de mínimos. Caberia ao Ministério da Previdência Social gerir o fundo.

Antes desse embate, os deputados haviam rejeitado oito destaques ao Projeto de Lei 5940/09, que cria o fundo social com recursos da exploração do pré-sal. Os tucanos tentaram incluir o esporte e a segurança pública entre os setores que poderiam ser contemplados com o dinheiro do fundo, mas os destaques não foram acatados. A sugestão do DEM que garante os municípios com Índices de Desenvolvimento Humano (IDH) abaixo da média nacional como prioritários para receber a verba do fundo acabou aprovada.

O relator do projeto, deputado Antonio Palloci (PT-SP), destinou os recursos do fundo social para o financiamento de programas e de projetos de combate à pobreza e de desenvolvimento de educação, cultura, saúde pública, ciência e tecnologia, além da mitigação e adaptação às mudanças climáticas. A matéria aprovada hoje é uma das quatro do marco regulatório do pré-sal encaminhadas pelo Planalto ao Congresso em setembro do ano passado. A que criou a Petro-Sal já havia sido acatada em novembro.

Minha opinião

O salário dos aposentados merece receber esta e outras verbas arrecadas pelo governo. Claro que tudo deve ser estudado para não causar um rombo no cofre do estado.

A verba atual do salário mínimo é insuficiente para atender as necessidades básicas de uma família obter uma moradia, alimentação, vestimenta e lazer.


Telefone fixo sem taxa de assinatura só depende de você

02/02/2010

Será votado em março o projeto de lei 5746/2001, que acaba com a assinatura telefônica de R$ 40,37 (residencial) e R$ 56,08 (comercial).

COMO PROCEDER:
Ligue 0800-619619 (gratuito), de segunda à sexta-feira das 08 às 20h00 (Câmara Federal dos Deputados).

Ouça o menu, aperte 1 e espere a opção eletrônica. Digite 1 novamente, que é para votar a favor do cancelamento da taxa de telefone fixo.
 
Acabei de ligar e é verdade. É um menu eletrônico rapidinho.

Divulguem e liguem, o interesse é nosso.


O site câmara dos deputados dificulta análise

25/01/2010

Navegando pelo site que tem o nome “A casa de todos os brasileiros” é uma piada. 

Quando se falamos de números que interessam ao cidadão acompanhar os representantes que ali possuem suas cadeiras, se barramos nas informações mascaradas e incompletas. Como todo site onde os interessados são clientes, temos que trazer todas as informações com fácil acesso na navegação, principalmente quando os dados são valores de uso do dinheiro de uma nação.  

No site citado, não conseguimos acompanhar todos os deputados de uma única vez. Não vejo informações com Gasto de verba de gabinete, Leis criadas, Número de participações em votações, Presença em comissões, Presença no plenário, Dias trabalhados e gasto do nosso dinheiro não há informações detalhadas ou em colunas, gráficos e totais. 

Quando se pesquisa o número da bancada dos partidos, liderança o site traz os números de quantos representantes cada partido possui lá, mas só isso não é importante para os cidadãos se não conter informações que interessa o povo.  

Então esta na hora dos políticos trazerem transparecia do uso da verba do nosso país, pois ele esta por lá para nos representar e não aumentar sua renda pessoal. 

Para terem ciência do que estou escrevendo acesso o site http://www2.camara.gov.br/deputados


Empresas que fizeram doações eleitorais recebem verba de deputados

25/01/2010

Fonte: Folha on line 

Levantamento inédito feito pela Folha mostra que empresas que fizeram doações eleitorais receberam recursos públicos destinados pelos mesmos deputados que ajudaram a eleger, informa reportagem de Ranier Bragon e Alan Gripp publicada nesta segunda-feira pela Folha.

Foram cruzados a lista de doadores nas campanhas de 2006 e 2008 e os gastos secretos da verba indenizatória, que custeia despesas relacionadas à atividade parlamentar. Levando em conta os deputados que receberam maiores doações, existem pelo menos dez casos em que a empresa doadora foi contratada pelo congressista para quem contribuiu.

O número de empresas que são tanto beneficiárias da verba indenizatória como doadoras de campanha representa cerca de 10% das que emitiram notas para os deputados no período.

As cerca de 1.400 empresas que receberam recursos da verba da Câmara gastaram R$ 22,1 milhões em doações.

Os deputados ouvidos pela Folha negaram irregularidade nos gastos.  

Minha opinião

Onde estão às concorrências públicas, o melhor e menor preço do mercado?

Esta máfia com o dinheiro público tem que acabar, sabe-se que o esquema é monstruoso, mas o povo precisa virar o jogo. 

Hoje o total de membros da Câmara dos Deputados, são os 513 representantes diretos da população no Congresso Nacional.  
 
São eleitos através do sistema proporcional. A cada estado cabe uma quota de no mínimo oito e no máximo setenta deputados federais. O mandato dos deputados federais é de quatro anos, sendo possíveis reeleições consecutivas ao mesmo posto.  
 
Algumas de suas atribuições são: 
 
– Autorizar, com voto favorável de no mínimo 2/3 de seus membros, a abertura de processo contra o presidente, o vice e os ministros.  
 
– Participar das comissões permanentes e extraordinárias que estudam os projetos de lei que tramitam na Câmara, além de nelas debater temas relevantes para a sociedade e realizar audiências públicas. 
 
– Pedir prestação de contas ao Executivo.  
 
– Elaborar o regimento interno da Câmara dos Deputados.
 
 

Sabemos que todas as funções mencionadas não são executadas de forma satisfatória a população, então o que vocês acham dos governantes ganharem por produção das funções que são atribuídas e não cumpridas. Da mesma forma que é atribuída ao cidadão trabalhador, que tem metas, horários e funções a cumprir, e quando não é feito da melhor maneira esta na rua. Isso que devemos cobrar de todos os políticos. 

Sugiro também que o site da câmara seja mais claro e transparente, quero informações de todos em gráfico e com ranking das informações dos mais atuantes e menos atuantes, e não um a um, pra que dificultar minha análise sobre os números.  

Exemplos de busca. 

– Gasto de verba de gabinete

– Lei criada

– Numero de participações em votações;

– Presença em comissões;

– Presença no plenário;

– Dias trabalhado 

Acessem o site http://www2.camara.gov.br/deputados e verão como as informações estão escondidas, você consegue acompanhar um a um.  


Seguro obrigatório tem pegadinha que beneficia apenas o governo?

15/01/2010

Fonte: Blog do Jornal Primeira Mão

DPVAT só vence junto com o licenciamento para ônibus; quem atrasar perder o reembolso.

Atenção motorista que tem carro, moto ou picape: o seguro obrigatório de seu veículo vence com o IPVA. Isso significa que você terá de pagar o DPVAT (Nome oficial do seguro obrigatório) em janeiro ou fevereiro. Se passar o prazo, será considerado inadimplente e se sofrer um acidente, não terá direito ao reembolso, que cobre gastos médicos e indeniza em caso de morte ou invalidez.

Muitos motoristas pagam o DPVAT quando vence o licenciamento. Assim, um carro ou moto com placa final o poderia quitar o valor só em dezembro, não em janeiro, mês repleto de contas e impostos.

O problema é que, em caso de acidente, esse proprietário perde a indenização. Assim, o dono de um carro que não quitar o DPVAT agora (R$ 93,87) ficará sem R$ 2.700,00 em caso de despesas médicas em uma batida – independentemente de quem tem a culpa.

No caso de invalidez ou morte de um motoqueiro, por exemplo, a família ficará sem a indenização de R$ 13.500,00 caso ele não tenha pago taxa de R$ 259,04 dentro do prazo.

Quem paga o DPVAT no prazo tem cobertura ao longo do ano. Portanto, se a primeira parcela do seu IPVA vence hoje (exemplo placas com final 6), e você quitar o seguro obrigatório, terá a cobertura para 2010. Quem sofreu uma batida no começo deste mês, antes do vencimento da taxa, também terá a cobertura pois a data limite não havia chegado.

Os únicos veículos que têm o vencimento do seguro obrigatório ligado ao licenciamento de veículos são ônibus e micro-ônibus. Essa diferença no vencimento do seguro é que deixa muitos motoristas em dúvida e pode causar prejuízos ao bolso do motorista.

Confira o valor da Indenização

Morte: R$ 13.500,00
Invalidez Permanente: até R$ 13.500,00
Reembolso de despesas Médicas e Hospitalares: até R$ 2.700,00
Serviço: Seguradora líder: 0800-022-1204 ou www.dpvatseguro.com.br


Dinheiro sobrando
O seguro obrigatório foi criado em 1974 para amparar as vítimas de acidentes de trânsito em todo o país, não importando quem seja a culpa dos acidentes. Segundo a Líder, seguradora responsável pela tarifa, só não tem direito a cobertura quem estiver inadimplente e mesmo neste caso, o segurado cobre danos pessoais causados por terceiros.

Em 2009, o DPVAT indenizou 256.472 pessoas (57% referentes a acidentes com motos) no país, num total de R$ 1,8 bilhão. Só que tem dinheiro sobrando para as vítimas. No ano passado, o seguro obrigatório arrecadou R$ 5,4 bilhões, dos quais 50% vão para os gastos do SUS e campanhas de trânsito. Assim, havia R$ 2,7 bilhões para indenizações, mas R$ 900 milhões não foram usados. O dinheiro, se ninguém usar, fica com as seguradoras que gastam com o custeio.

Minha Opinião

No governo sabe fazer caixa em prol dele e sempre quem paga somos nós, so que neste caso não vamos ficar de braços cruzados.

Partindo desta notícia, vamos montar um baixo assino através da enque neste blog para solicitar a União que edite esta medida provisória em matéria de Direito Administrativo sobre a Resolução CNSP 192/2008 da Lei 6.194/74 para os contribuintes voltar a pagar seu DPVAT junto com o mês de vencimento do IPVA de acordo com a placa do veículo, assim todos os proprietários de veículos com pagamentos em dia do DPVAT possa usufruir deste benefício.

Leiam o que foi alterado onde diz:

“Art. 8o Sem prejuízo ao disposto no art. 28 do anexo à Resolução CNSP No 154, de 8 de dezembro de 2006, no caso de veículos sujeitos ao Imposto sobre Propriedade de Veículos

Automotores – IPVA, para o ano de 2009, para o Consórcio que inclui as categorias 3 e 4, fica permitido o pagamento do prêmio do Seguro DPVAT em parcela única que deverá ter vencimento até a data do emplacamento ou licenciamento anual do respectivo veículo.”

A integra da Medida Provisória com a alteração feita pelo MINISTÉRIO DA FAZENDA CONSELHO NACIONAL DE SEGUROS PRIVADOS RESOLUÇÃO CNSP No 192, DE 2008 esta no link http://www.dpvatseguro.com.br/documentos/resol192.pdf

Seguindo a linha de transparência adotada pelo governo, queremos saber aonde e como foram aplicados os 900 milhões não utilizados informados descritos nesta reportagem.