Tarifas de Metrô e trens da CPTM também devem subir em 2010

Data do aumento e valor das tarifas ainda não foram divulgados.
Secretaria confirma que os reajustes ocorrem anualmente.

Fonte G1

As tarifas do Metrô, da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) e da Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU) também devem ser reajustadas em 2010, de acordo com a Secretaria de Estado dos Transportes Metropolitanos. O governo estadual ainda não confirmou, no entanto, a data do reajuste ou o valor das novas tarifas.

A Prefeitura de São Paulo informou na noite deste domingo (20) que a tarifa de ônibus na capital paulista vai subir dos atuais R$ 2,30 para R$ 2,70 a partir do próximo dia 4 de janeiro. O valor do Bilhete Único que faz integração com o Metrô passará de R$ 3,75 para R$ 4. A Prefeitura havia informado que o valor atual era R$ 3,65, mas a informação foi corrigida.

A Secretaria dos Transportes Metropolitanos confirmou que “reajusta anualmente as tarifas do Metrô, da CPTM e da EMTU”. “É uma política de transparência iniciada em 2007 que permite aos usuários dos meios de transporte programar seus gastos com a informação prévia da periodicidade do reajuste”, diz a secretaria em nota enviada ao G1.

Em 2009, o reajuste ocorreu em fevereiro, quando o bilhete unitário do Metro passou de R$ 2,40 para R$ 2,55. Segundo a secretaria, o aumento ocorre com “base na inflação medida no período e tem como principal objetivo garantir as despesas de custeio e manutenção do sistema”.

Aumento do ônibus

O reajuste dos ônibus representa um aumento de 17,4% em relação ao valor atual da passagem, de R$ 2,30. Segundo a assessoria de imprensa do vereador e líder do governo na Câmara José Police Neto (PSDB), a legislação determina que o prefeito comunique à Câmara com dois dias de antecedência o aumento na tarifa dos ônibus. Não é necessária aprovação dos vereadores.

Durante a campanha eleitoral de 2008, o prefeito Gilberto Kassab (DEM), que foi reeleito, afirmou que não aumentaria o preço da passagem em 2009. O último reajuste foi em novembro de 2006.

Minha Opinião

Apesar de toda frota dos ônibus e metro necessitarem de manutenção e ajustes para manter a segurança dos mesmos, nosso transporte não pode ter a tarifa elevada, já que a qualidade é péssima. Nos horários de pico vamos espremidos e fora do horário de pico o intervalo dos ônibus é enorme.

Na linha que utilizo diariamente não tem horário de inicio das viagens, você liga na SPTrans informa os acontecimentos e nunca recebe um retorno de suas reclamações.

Como já publiquei aqui no blog, a demora nas compras e recargas de bilhetes de metro ou bilhete único é uma verdadeira piada, aonde já se viu ter 1 funcionário na cabine do metro e 2 funcionários na empresa terceirizada de recarga do bilhete único. Tente utilizar estes serviços e verá o tempo que é perdido num local que não aceita outra tipo de pagamento sem ter os bilhetes de papel ou plástico.

Isso é uma falta de respeito e injustiça já que o transporte é pago para usufruirmos de conforto nas viagens, hoje pagamos para não obtermos qualidade e aguardamos muito nos pontos de São Paulo devido a demora nos intervalos e trânsito que temos em nossa cidade.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: