Disponível o gabarito da prova do Enem 2009 que vazou

Depois da fraude com a prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), a nova prova será aplicada no próximo fim de semana (sábado e domingo) para mais de 4,1 milhões de candidatos inscritos.

Questões são divididas em 4 eixos ciências da natureza, ciências humanas, linguagens e matemática. Também haverá uma redação e haverá uma redação, no total, serão cobradas 180 questões de múltipla escolha.

É importante lembrar o horário de acesso aos locais de prova serão abertos às 12h e rigorosamente  fechados às 12h55 (horário de Brasília). O início das provas começará às 13h. Então saia de sua casa com intuito de chegar ao local da prova às 12 horas

Consulte aqui o local de prova no Enem

O G1 conversou com professores de cursinhos pré-vestibulares Etapa e Anglo, em São Paulo, para saber o que o candidato deve esperar do exame. Confira as dicas:

Sábado (5/12) – das 13h às 17h30
Ciências da natureza e suas tecnologias (45 questões)

– É provável que apareçam situações do cotidiano, como pedir para calcular o gasto de energia de um chuveiro elétrico.
– Na parte de química, as questões ambientais devem dominar.
– Matemática básica e regra de três valores devem ser suficientes para resolver as questões de química e física
– Em biologia, a parte de saúde pública tem grande chance de estar presente em algumas questões.
– Entre os temas de biologia, devem ser cobrados: parasitoses, evolução, genética e ecologia.
Ciências humanas e suas tecnologias (45 questões)
– Candidatos terão de interpretar gráficos e tabelas, especialmente na parte de geografia.
– Assuntos da atualidade, presentes no noticiário, também podem aparecer.
– Questões ligadas à África e a minorias, como os índios, devem ser cobradas.
– Por via das dúvidas, a sugestão é marcar a alternativa potiticamente correta.

Domingo (6/12) – das 13h às 18h30
Linguagens, códigos e suas tecnologias (45 questões)
– Exigirá bastante leitura e capacidade de interpretar textos
– Questão da prova que vazou exigia a análise da linguagem usada na internet, mais abreviada, em contraposição à norma padrão. Pode aparecer de novo
– Identificação das diferentes funções da linguagem, como no texto jornalístico ou na poesia.
– Além de textos, outros recursos devem aparecer nas questões, como tiras de histórias em quadrinhos.
Matemática e suas tecnologias (45 questões)
– Temas cobrados em anos anteriores e que apareceram na prova do Enem que vazou incluem porcentagem, grandezas proporcionais, geometria, análise combinatória e probabilidade.
– Por serem relativamente poucos temas, a prova deve ser bastante repetitiva e cansativa
– Questões devem exigir interpretação de texto para solucionar problemas
– Há grandes chances de ser cobrada pelo menos uma questão de estatística
– Provavelmente não será preciso fazer muito cálculo
– Vale fazer leitura atenta do enunciado; muitas vezes, a resposta pode ser obtida com base na interpretação de texto
Redação
– Texto deve ter em torno de 30 linhas; seja objetivo
– Gênero dissertativo: deve ter introdução, parágrafos de desenvolvimento com argumentação, defendendo um ponto de vista, e a conclusão
– Tendência é que o tema seja de cunho social. Na prova do Enem que vazou, o tema era sobre a “valorização do idoso”
– Não há tempo extra para passar a limpo

Uma sugestão do professor Edmilson Motta, coordenador do Etapa, é dar uma olhada nas provas do Enem que vazaram para conhecer melhor o formato. “Na dúvida, o melhor é chutar. Mas o candidato deve antes eliminar as respostas improváveis para aumentar a sua chance de acerto”, afirma.

A recomendação é não estudar na véspera da prova. O candidato deve aproveitar para preencher os dados do questionário socioeconômico e separar os documentos e material para levar no dia.

Confira as provas do Enem que vazaram
Confira a prova do Enem do 1º dia que vazou
Confira a prova do Enem do 2º dia que vazou
Confira o gabarito da prova do Enem

Endenta como é elaborado  o Exame Nacional do Ensino Médio

  1. Professores elaboram questões de acordo com a matriz de conhecimentos do Enem
  2. O innep compra a questão e pede que outros professores a avaliem pedagogiacamente para verificar se o conteúdo está de acordo com a matriz de conhecimentos, por exemplo
  3. A questão é pré-testada em alunos do segundo ano de ensino médio e do primeiro ano de faculdade. Esse procedimento serve para determinar o comportamento estatístico da questão – se é mais difícil, mais fácil, quando acertaram etc. Ela é classificada de acordo com sua dificuldade e pelo seu poder de diferenciar alunos com alta e baixa proficiência.
  4. Se aprovado, a questão vai para o banco de dados do Enem. Segundo o presidente do Inep, Reynaldo Fernandes, o banco do Exame Nacional do Ensino Médio tem cerca de 2 mil questões
  5. A prova é monta por técnicos do Inep com questões do banco
  6. A prova vai para a sala segura do Inep. É uma área fechada, com acesso restrito
  7. Após licitação, uma gráfica é indicada pela empresa vencedora
  8. A prova sai do Inep em meio digital e protegida por senha e é entregue na gráfica. Segundo o presidente do órgão, duas pessoas vão em aviões diferentes fazer a entrega
  9. Gráfica recebe os arquivos e começa a impressão. O processo é supervisionado pelo Inep. Há câmeras, policias armados e vestuário especial
  10. Após serem impressas, as provas são montadas, seladas e ensacadas. Cada prova tem um selo com o nome do aluno que a receberá. Cada malote tem uma lista de alunos, uma ata de envio e uma ata de recebimento. Neste ano, as provas de São Paulo foram montadas no próprio estado; as do resto do país, no Rio
  11. As provas montadas são levadas aos chamados pólos regionais, que são centros locais de distribuição. Os testes seguem, por exemplo, em carros fortes e com batedores
  12. Dois ou Três dias depois, os coordenadores regionais recebem as provas. Se há segurança nos locais de testes, as provas ficam lá; caso contrário, em delegacias. Segundo Fernandes, em casos raros de lugares mais remotos como municípios da região Norte, onde não há segurança no local de prova nem delegacia
  13. Na sala de provas, o coordenador tem que abrir o envelope lacrado na frente dos alunos

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: