Presidente do Brasil não leva a política interna a sério

Após diversas acusações com membros de seu governo, no senado e agora com o governador do Distrito Federal, escutamos nosso presidente dizer que não vai se pronunciar a respeito.

Sempre que há corrupções e escândalos ele diz não sabia de nada ou  então “prefiro não me manifestar”. Com essas atitudes nos dá espaço para diversas perguntas como o que você faz ai nesta cadeira, é Política pessoal?

Ninguém deve contestar seu poder de negociação de saber aproveitar as oportunidades dos momentos vividos desde seu primeiro mandado onde pegou a presidência com o real bem valorizado com a inflação estável e um ótimo momento econômico do Brasil perante o mundo para realizar sua política.

Sabendo e bem disso atacou a ignorância do povo com seus programas Brasil um país de todos, bolsa família ou com frases de efeito dizendo “hoje o brasileiro come melhor”, nas custar dos que pagam e muito pelos os impostos que ele jamais pensou em baixar.

Nenhum governante pensou tanto em arrecadar impostos como o atual, e este investimento têm explicação, quanto mais se investir na máquina de arrecadação e com maior rigor para cruzar as informações, mais dinheiro entra nos cofres públicos.

Com dinheiro em caixa ele pode passear mundo afora para escutar que ele é o cara, mas que cara é este, empresta dinheiro ao FMI e não investem nas regiões do norte e nordeste, regiões mais carentes do país.  O Bolsa Família concerteza ajuda as famílias que lá vivem, mas não é o suficiente para resolver o problema na falta de infra-estrutura.

Não estou aqui apenas para criticar, estou aqui escrevendo para passar a vocês que nosso presidente gosta de fama e sempre corre do trabalha pesado, é desta forma que ele cuida de sua popularidade para ficar sempre em alta, se ele esta SEMPRE se esquivando quando se pergunta das corrupções é sinal que estes assuntos não lhe interessa.

Agora veio o seu filme e de onde saiu este dinheiro para esta produção, ele quer mostrar o que ?

O homem humilde e honesto da classe dos trabalhadores será que é o mesmo que pensa ou pensava na categoria ou em seu bem estar?

Vejam que temos várias interrogações para serem tiradas e com a política que ele faz mostra que saíra de seu cargo de presidente com um rombo para os futuros presidentes com a compra de seu avião de alto luxo como dos sheiks Árabes proprietários das ricas jazidas de petróleo do Oriente Médio, dizem que este avisão modelo do Airbus Corporate Jetliner saiu pela quantia de 56,7 milhões de dólares que corresponde há quase R$ 170 milhões de reais.

Não dá para entender a razão que levou o presidente Lula a aprovar a compra do superluxuoso avião quando ele próprio vive pedindo aos brasileiros que façam doações para o programa “Fome Zero”, sob a alegação de que o governo não tem recursos para ajudar a matar a fome dos milhões de necessitados existentes no País.

Deixo aqui para vocês me explicar que “este cara” é bom de política

Abaixo esta uma música que acho bem escrita sobre a realidade de nosso pais.

Carta ao presidente

Marcelo D2

O Brasil quer mudar, crescer, pacificar,

Com uma justiça social que tanto alguns tentam conquistar.

Se em algum momento algum político conseguiu despertar a esperança.

O final da historia é uma lambança.

Nosso povo constanta que promessas não faltam,

E a corrupção continua alta.

Eu não venho por meio desta com protestos destrutivos.

Ao contrário, apesar de sofrimento injusto e desnecessário.

Colapso?

Não somos fãs de canalhas.

Terra para o povo e não me venha com migalhas.

Soberania pais, Da onde vêm essas idéias?

E o tal desenvolvimento econômico?

Pra mim, só miséria.

Défict habitacional.

É favela pra todo canto.

Me lembro de uma reforma agrária

Que assegurasse a paz no campo.

Quando você diz justo, vem de justiça, nao é?

Como vamos manter a calma se a justiça é só para a ralé?

Como você disse:

Eu quero a verdade completa.

Como todos os brasileiros querem a verdade completa.

Que segurança que o governo tem a oferecer à sociedade brasileira?

Aí só pode estar de brincadeira.

Mas cá entre nós, na verdade, quer saber?

O que todo brasileiro quer é mudar pra valer.

Sentimento predominante entre as classes ainda é

Qual seria a diferença do Luiz pro José?

Eu sei,

Ninguém precisa te ensinar a importância do controle da inflação.

Mas o Brasil solidário não apareceu aqui ainda não.

Minha mãe sempre dizia que o exemplo vem de cima

E agora Silva, você tá em cima.

Uma vida sindical bonita, ao lado dos trabalhadores.

Nunca se esqueça! ao lado dos trabalhadores.

Parece que a economia é o mal da naçao,

Mas ao meu ver, o mal tá na corrupção.

Não tem dinheiro pra educação, segurança,

Saúde então, nem se fala.

Enquanto isso neguinho tá carregando dinheiro na mala.

As cadeias estão cheias de pretos e nordestinos como nós.

Mas os verdadeiros criminosos são os que têm a voz.

Se você não sabia de nada,

Então não está fazendo teu trabalho direito.

Afinal de contas, você é o presidente eleito!

Volto a dizer:

O sacrifico continua dos mais necessitados

Que ainda andam esquecidos e colocados de lado.

O que nos move aqui

É a certeza que o Brasil é bem maior do que isso.

Quando precisar dos que querem o bem

Estamos aí, prontos pro serviço.

Desculpa se eu entendi algo errado.

Mas estas aqui são as minhas palavras,

Ou melhor, as palavras daqui de casa

Família brasileira,

Honesta e trabalhadora.

Como quase todas:

Honesta e trabalhadora.

Sem mais delongas,

Não repare o sorriso amarelo,

Um abraço do ainda amigo.

Marcelo,

Rio de janeiro, 28 de fevereiro de 2006.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: