Salário Duplex que palhaçada com o povo

Enquanto os bancários entraram em greve para reivindicar o aumento de 10% para a categoria que é nada mais justo já que os bancos brasileiros foram que mais faturam nos primeiros semestres comparando os bancos da América Latina e quer dar um aumento de 6%.

Hoje estou lendo nos jornais que em Brasília na Câmara e Senado Brasileiro local onde as pessoas que ali deveriam ficar não cumprem suas cargas horárias de 44 horas semanais, fazem acordos na madrugada por interesses próprios e a última foi:

– O presidente da Câmara, deputado Michel Temer (PMDB-SP), afirmou nesta terça-feira 06/10/2009 que irá procurar o Poder Executivo para definir a regulamentação da lei que trata sobre o acúmulo de salários e aposentadorias por servidores públicos. Nesta terça-feira, o jornal “A Folha de S. Paulo” publicou reportagem segundo a qual servidores estariam recebendo salários acima do teto por meio do chamado “salário duplex”, e como sempre o imortal Sarney defende regulamentação de salários para cumprimento de teto.

“O Tribunal de Contas da União [TCU, que reviu a decisão anteriormente contrária ao pagamento dos proventos acima do teto] sugere que haja regulamentação da lei que estabelece como se faz a compensação e eu, agora, até procurarei trabalhar junto ao Executivo para ver essa regulamentação”, destacou.

O teto constitucional estabelece como limite o salário dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), atualmente em R$ 24,5 mil. O valor deve aumentar com a sanção da lei aprovada no mês passado pelo Congresso Nacional, que aumenta o piso para R$ 25,7 mil ainda neste ano e para R$ 26,7 mil a partir do ano que vem.

A revisão da decisão do TCU, na última quarta-feira, se deu diante de argumentação da Câmara dos Deputados sobre o cancelamento dos pagamentos. Para a Casa, não é possível impor a lei antes da regulamentação da Lei 10,887/04 que, em um de seus artigos, determina a criação de um sistema integrado de dados sobre salários e aposentadorias de todos os servidores públicos.

Quanto ao fato de ser um dos beneficiados pela permanência do salário acumulado, uma vez que recebe aposentadoria como ex-procurados do Estado de São Paulo, Temer ressalvou que há até 15 mil servidores na mesma condição. “Todas as demais instituições [além da Câmara e do Senado], em todo o País, ocorre à mesma coisa. [O corte] não se aplica porque não há regulamentação”, completou.

Outro beneficiado é o presidente do Senado, senador José Sarney (PMDB-AP). Além do salário como senador, hoje em R$ 16,5 mil, ele recebe proventos como ex-governador e ex-funcionário do Tribunal de Justiça do Maranhão.

Gente isso é mais um de diversos absurdos que ocorrem naquela casa, por que ao invés de brigarem pelo próprio interesse não ajudar a todas as classes trabalhadoras a obter um reajuste digno de um trabalhador que paga todo seu sustento que passa ano e entra ano dificilmente ultrapassa os 6,5% sem que os alimentos no ano ultrapassem isso, eu não sou contra deles obterem um ou dois salários desde que, sejam pagadores das mesmas coisas que pagamos para utilizar ou lutamos para melhorar a qualidade de vida de nossas famílias entrando na mordomia, por exemplo, obter um carro zero, uma casa maior, pagamento de cursos para os filhos e por ai vai.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: