Carnaval 2010… Batam palmas o Circo Chegou

A escola de Samba G.R.C.S.E.S Estação Invernada, localizada no Bairro Vila Aurora região Norte considerada o reduto do Samba Paulista, por conter diversas agremiações Acadêmicos do Tucuruvi, Império de Casa Verde, Mocidade Alegre, Rosas de Ouro, Vila Maria e X-9 Paulistana, escolas do Grupo Especial de São Paulo, além das escolas dos Grupos 1 e 2 que lutam para chegar a elite do carnaval paulista, tudo isso ao seu redor.

Esta agremiação irá contar a história do circo em seu desfile de 2010, com muito trabalho, garra e alegria que a comunidade prepara seu carnaval.

A Introdução deste desfile será apresentada na reta oposta de Interlagos

O circo uma cultura única. Formado por pessoas nômades, que precisão se encontrar com o público para o show continuar. Que tipo de cultura é esta?

A verdade é que muito já se falou sobre o circo e continuarão a falar e a fazer as mesmas perguntas, matrizes raciais díspares, tradições culturais distintas, formações sociais inestimável, as apresentações circenses nos renovam a cada espetáculo. Antiga por criação, mas nova por adaptações, que surgem como uma proposta nacional diferenciada.

Culturalmente nossas matrizes circenses são formadoras de outro espetáculo, fortemente mestiçada, dinamizada por um contexto sincrético e singularizada pela redefinição da alegria contagiante que são traços culturais oriundos do nosso povo. Novo inclusive, pela inverossímil alegria e espantosa felicidade, de gente batalhadora e trabalhadora, que mesmo sacrificado, atenta, comove e diverte a todos sem distinção, com apenas um truque ou simplesmente um sorriso.

Mostraremos como o circo surgiu, o caminho árduo que o mesmo segue, e sua perspectiva para o futuro. Segundo o autor Antonio Torres em seu livro “O circo no Brasil” A presença dessas instituições no futuro, estarão em risco, depende de nós, não deixamos esquecidos, os astros do picadeiro e a arte de brindar a cada espetáculo, com a sua alegria ao ver nossa presença.

Isso é o circo, isso é o carnaval, isso é o Brasil. Uma festa colorida, porque é democrática, mestiça, livre, lavada em sangue de trabalhadores, sofrida e exaltada a cada espetáculo. Com a vantagem de sempre ter no riso a paz que a alma procura, um clima perfeito que fortalece os laços do simples mortal com o divino, deixando a vida muito mais bela. Só quem acompanha esse ambiente sabe o significado do sorriso de uma platéia.

Esse país tropical, que se orgulha da sua cultura, hoje verá com muita dignidade, nossa agremiação orgulhosamente apresentar em apenas quarenta e cinco minutos um espetáculo circense. Enaltecendo, enriquecendo e valorizando, na visão de um conjunto único, neste universo que também é sem igual: O NOSSO CARVANAL.

“O circo é como o trem: Uma coisa romântica, de uma grande ternura, do passado. É uma coisa prática para o povo. Você vai à vontade. O circo tem de ser preservado. É uma dessas coisas que jamais deveriam terminar.”                                                                                                                                       Dercy Gonçalves

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: