Nova lei contra Pedofilia

PedofiliaPedofilia
Pedofilia
Pedofilia
PedofiliaBrasil contra a pedofilia 
Consumidor de imagens sexuais de crianças na Internet, País entra na elite da guerra a este crime 
Brasil é um dos principais consumidores de pornografia infantil do mundo e com base nestes números vergonho o governo alterou a lei colacando o País no compartilhamento do banco de dados da Interpol com os softwares produzidos pela Polícia Federal para investigar e combater o intercâmbio de arquivos realizado pela internet, diz o delegado da Unidade de Repressão a Crimes cibernéticos da PF, Carlos Eduardo Sobral. 
Com esses softwares integrados no compartilhamento com o banco de dados da Interpol tem o objetivo de identicar e localizar pedófilos e crianças abusadas, não só no Brail e sim todos os países que compartilham dados neste banco, que colocam o País no primeiro mundo quando o assunto é pedofilia.
A principal das medidas tomadas pelo Brasil foi a novo lei da pedofilia, ratificada dia 25 de novembro de 2008, passa a valer como crime posse e divulgação para venda de material pornográfico (antes a lei punia com prisão apenas quem distribuía o material), aumento da pena máxima de 6 para 8 anos.
Entidades que acompanham a luta contra a pedofilia comemorou: “Não é exagero dizer que será uma das leis mais avançadas do mundo em termos de combate à pornografia infantil na Internet”, declarou o presidente da ONG Safernet Brasil, Thiago Tavares. 
Os agentes da Polícia Federal também comemorou a nova lei dizendo que a “Operação CARROSSEl” a maior já feita no país contra pedofilia poderia tem outros números já que muitas pessoas possuíam CDS, DVDS e HDS com suspeita de conter material pornográfico infantil não foram presos devido a antiga constituição somente punia distribuição do material e somente 5 pessoas foram presas em flagrante explica o delegagado Carlos Eduardo Sobral.
Com o Projeto de Lei da CPI da Pedofilia sancionado do Senado Federal, o Brasil terá novas condutas relacionadas à pornografia infantil em pedófilos internacionais instalados no País
Outros passos importantes a serem dados, será a aprovação pela Câmara dos Deputados do segundo Projeto de Lei da CPI da Pedofilia, que permitirá a prisão de procurados internacionais incluídos na lista vermelha da Interpol. Atualmente, só é possível efetuar a prisão de um estrangeiro procurado após os trâmites burocráticos e diplomáticos, o que inviabiliza o cumprimento do pedido de prisão internacional”, exemplifica o policial.
º Nenhuma criança ou adolescente será objeto de qualquer forma de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão, punido na forma da lei qualquer atentado, por ação ou omissão, aos seus direitos fundamentais. (Estatuto da Criança e do Adolescente)
º É dever de todos velar pela dignidade da criança e do adolescente, pondo-os a salvo de qualquer tratamento desumano, violento, aterrorizante, vexatório ou constrangedor. (Estatuto da Criança e do Adolescente)
Uma iniciativa que partiu da comunidade Hackers Contra A Pedofilia e comunidades associadas.
Sugestões de locais para denúncias:
Discando para o número 100, de qualquer lugar do Brasil. A ligação é gratuita e você NÃO precisa se identificar ou para o e-mail disquedenuncia@sedh.gov.br
Polícia Federal: dcs@dpf.gov.br
CPI da Pedofilia: contato@todoscontraapedofilia.com.br
Brasil contra a pedofilia 
Consumidor de imagens sexuais de crianças na Internet, País entra na elite da guerra a este crime 
Brasil é um dos principais consumidores de pornografia infantil do mundo e com base nestes números vergonho o governo alterou a lei colacando o País no compartilhamento do banco de dados da Interpol com os softwares produzidos pela Polícia Federal para investigar e combater o intercâmbio de arquivos realizado pela internet, diz o delegado da Unidade de Repressão a Crimes cibernéticos da PF, Carlos Eduardo Sobral. 
Com esses softwares integrados no compartilhamento com o banco de dados da Interpol tem o objetivo de identicar e localizar pedófilos e crianças abusadas, não só no Brail e sim todos os países que compartilham dados neste banco, que colocam o País no primeiro mundo quando o assunto é pedofilia.
A principal das medidas tomadas pelo Brasil foi a novo lei da pedofilia, ratificada dia 25 de novembro de 2008, passa a valer como crime posse e divulgação para venda de material pornográfico (antes a lei punia com prisão apenas quem distribuía o material), aumento da pena máxima de 6 para 8 anos.
Entidades que acompanham a luta contra a pedofilia comemorou: “Não é exagero dizer que será uma das leis mais avançadas do mundo em termos de combate à pornografia infantil na Internet”, declarou o presidente da ONG Safernet Brasil, Thiago Tavares. 
Os agentes da Polícia Federal também comemorou a nova lei dizendo que a “Operação CARROSSEl” a maior já feita no país contra pedofilia poderia tem outros números já que muitas pessoas possuíam CDS, DVDS e HDS com suspeita de conter material pornográfico infantil não foram presos devido a antiga constituição somente punia distribuição do material e somente 5 pessoas foram presas em flagrante explica o delegagado Carlos Eduardo Sobral.
Com o Projeto de Lei da CPI da Pedofilia sancionado do Senado Federal, o Brasil terá novas condutas relacionadas à pornografia infantil em pedófilos internacionais instalados no País
Outros passos importantes a serem dados, será a aprovação pela Câmara dos Deputados do segundo Projeto de Lei da CPI da Pedofilia, que permitirá a prisão de procurados internacionais incluídos na lista vermelha da Interpol. Atualmente, só é possível efetuar a prisão de um estrangeiro procurado após os trâmites burocráticos e diplomáticos, o que inviabiliza o cumprimento do pedido de prisão internacional”, exemplifica o policial.
º Nenhuma criança ou adolescente será objeto de qualquer forma de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão, punido na forma da lei qualquer atentado, por ação ou omissão, aos seus direitos fundamentais. (Estatuto da Criança e do Adolescente)
º É dever de todos velar pela dignidade da criança e do adolescente, pondo-os a salvo de qualquer tratamento desumano, violento, aterrorizante, vexatório ou constrangedor. (Estatuto da Criança e do Adolescente)
Uma iniciativa que partiu da comunidade Hackers Contra A Pedofilia e comunidades associadas.
Sugestões de locais para denúncias:
Discando para o número 100, de qualquer lugar do Brasil. A ligação é gratuita e você NÃO precisa se identificar ou para o e-mail disquedenuncia@sedh.gov.br
Polícia Federal: dcs@dpf.gov.br
CPI da Pedofilia: contato@todoscontraapedofilia.com.br
Brasil contra a pedofilia 
Consumidor de imagens sexuais de crianças na Internet, País entra na elite da guerra a este crime 
Brasil é um dos principais consumidores de pornografia infantil do mundo e com base nestes números vergonho o governo alterou a lei colacando o País no compartilhamento do banco de dados da Interpol com os softwares produzidos pela Polícia Federal para investigar e combater o intercâmbio de arquivos realizado pela internet, diz o delegado da Unidade de Repressão a Crimes cibernéticos da PF, Carlos Eduardo Sobral. 
Com esses softwares integrados no compartilhamento com o banco de dados da Interpol tem o objetivo de identicar e localizar pedófilos e crianças abusadas, não só no Brail e sim todos os países que compartilham dados neste banco, que colocam o País no primeiro mundo quando o assunto é pedofilia.
A principal das medidas tomadas pelo Brasil foi a novo lei da pedofilia, ratificada dia 25 de novembro de 2008, passa a valer como crime posse e divulgação para venda de material pornográfico (antes a lei punia com prisão apenas quem distribuía o material), aumento da pena máxima de 6 para 8 anos.
Entidades que acompanham a luta contra a pedofilia comemorou: “Não é exagero dizer que será uma das leis mais avançadas do mundo em termos de combate à pornografia infantil na Internet”, declarou o presidente da ONG Safernet Brasil, Thiago Tavares. 
Os agentes da Polícia Federal também comemorou a nova lei dizendo que a “Operação CARROSSEl” a maior já feita no país contra pedofilia poderia tem outros números já que muitas pessoas possuíam CDS, DVDS e HDS com suspeita de conter material pornográfico infantil não foram presos devido a antiga constituição somente punia distribuição do material e somente 5 pessoas foram presas em flagrante explica o delegagado Carlos Eduardo Sobral.
Com o Projeto de Lei da CPI da Pedofilia sancionado do Senado Federal, o Brasil terá novas condutas relacionadas à pornografia infantil em pedófilos internacionais instalados no País
Outros passos importantes a serem dados, será a aprovação pela Câmara dos Deputados do segundo Projeto de Lei da CPI da Pedofilia, que permitirá a prisão de procurados internacionais incluídos na lista vermelha da Interpol. Atualmente, só é possível efetuar a prisão de um estrangeiro procurado após os trâmites burocráticos e diplomáticos, o que inviabiliza o cumprimento do pedido de prisão internacional”, exemplifica o policial.
º Nenhuma criança ou adolescente será objeto de qualquer forma de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão, punido na forma da lei qualquer atentado, por ação ou omissão, aos seus direitos fundamentais. (Estatuto da Criança e do Adolescente)
º É dever de todos velar pela dignidade da criança e do adolescente, pondo-os a salvo de qualquer tratamento desumano, violento, aterrorizante, vexatório ou constrangedor. (Estatuto da Criança e do Adolescente)
Uma iniciativa que partiu da comunidade Hackers Contra A Pedofilia e comunidades associadas.
Sugestões de locais para denúncias:
Discando para o número 100, de qualquer lugar do Brasil. A ligação é gratuita e você NÃO precisa se identificar ou para o e-mail disquedenuncia@sedh.gov.br
Polícia Federal: dcs@dpf.gov.br
CPI da Pedofilia: contato@todoscontraapedofilia.com.br

BRASIL CONTRA A PEDOFILIA

Pedofilia

Brasil é um dos principais consumidores de pornografia infantil do mundo e com base nestes números vergonhoso o governo alterou a lei de pedofilia colocando o País no compartilhamento do banco de dados da Interpol com os softwares produzidos pela Polícia Federal para investigar e combater o intercâmbio de arquivos transferidos pela internet, diz o delegado da Unidade de Repressão a Crimes cibernéticos da PF, Carlos Eduardo Sobral. 

Com esses softwares integrados na Interpol tem o objetivo de identificar e localizar pedófilos e crianças abusadas, no Brasil e todos os países integrados neste banco, que colocam o País no primeiro mundo quando o assunto é pedofilia.

A principal das medidas tomadas pelo Brasil foi à nova lei da pedofilia, ratificada dia 25 de novembro de 2008, o aumento da pena máxima de 6 para 8 anos como crime quem obter posse e divulgação para venda de material pornográfico (antes a lei punia com prisão apenas quem distribuía o material).

Entidades que acompanham a luta contra a pedofilia comemorou: “Não é exagero dizer que será uma das leis mais avançadas do mundo em termos de combate à pornografia infantil na Internet”, declarou o presidente da ONG Safernet Brasil, Thiago Tavares. 

Os agentes da Polícia Federal também comemorou a nova lei dizendo que a “Operação CARROSSEl” a maior já feita no país contra pedofilia poderia tem outros números já que muitas pessoas envolvidas nas denuncias possuíam CDS, DVDS e HDS com suspeita de conter material pornográfico infantil não foram presos devido a antiga constituição somente punia distribuição do material e somente 5 pessoas foram presas em flagrante explica o delegado Carlos Eduardo Sobral.

Com o Projeto de Lei da CPI da Pedofilia sancionado do Senado Federal, o Brasil terá novas condutas relacionadas à pornografia infantil principalmente com pedófilos internacionais instalados no País.

Outros passos importantes a serem dados, será aprovação pela Câmara dos Deputados do segundo Projeto de Lei da CPI da Pedofilia que permitirá a prisão de procurados internacionais incluída na lista vermelha da Interpol. “Atualmente só é possível efetuar a prisão de um estrangeiro procurado após os trâmites burocráticos e diplomáticos, o que inviabiliza o cumprimento do pedido de prisão internacional”, exemplifica o policial.


Tópicos alterados na nova Lei.

  •  Nenhuma criança ou adolescente será objeto de qualquer forma de negligência, discriminação, exploração, violência, crueldade e opressão, punido na forma da lei qualquer atentado, por ação ou omissão, aos seus direitos fundamentais. (Estatuto da Criança e do Adolescente)

 

  •  É dever de todos velar pela dignidade da criança e do adolescente, pondo-os a salvo de qualquer tratamento desumano, violento, aterrorizante, vexatório ou constrangedor. (Estatuto da Criança e do Adolescente)

 

Uma iniciativa que partiu da comunidade Hackers Contra A Pedofilia e comunidades associadas.

Sugestões de locais para denúncias:

Conselho Tutelar: http://www.presidencia.gov.br/estrutura_presidencia/sedh/.arquivos/.spdca/dadosct.xls

Discando para o número 100, de qualquer lugar do Brasil. A ligação é gratuita e você NÃO precisa se identificar ou para o e-mail disquedenuncia@sedh.gov.br

Polícia Federal: dcs@dpf.gov.br

CPI da Pedofilia: contato@todoscontraapedofilia.com.br

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: